Rosalie Amelia McSarfattis

My name is Rose, I'm a Time Lady they say. I can travel through time, I can see anyday. Coates Team, Cardiff, roses and miss proud. The pleasure is all mine.

Right Round || Serena e Rose

serena-whiter:

Sentiu leves tapas em seu rosto, abrindo seu olho e piscando várias vezes, vendo Rose ali, e sua frente. Se levantou com dificuldade, um pouco aflita, ouvindo o barulho dos tiros e a gritaria. Não sabia o que fazer, mas queria que aquilo acabasse logo, pegou a mão de Rose, saindo correndo do local, indo pra fora novamente, Coates estava ficando em chamas, e Serena estava com vontade de chorar por aquilo estar acontecendo.  

O-O que a gente faz, Rose? — Perguntou depressa, enquanto tirava os seus sapatos, o segurando em umas das mãos. Sempre manteve a cabeça fria quando aquele tipo ocorria esse tipo de situação, mas de alguma forma, estava nervosa e perdida. Certamente, depois do acontecido com Dimitri a jovem teria mudado, só não sabia que era pra pior. 

Ao ver Serena melhor, Rose suspirou com um alívio surpreendentemente rápido. Levantou-se, tirando os sapatos assim como Serena. Deixou eles em algum lugar (por favor, que sua memória funcionasse e ela lembrasse aonde diabos deixou os sapatos) e voltou para perto da moça. Pensa, Rose, pensa. Bom, raciocinando.

Festa. Festa, barulhos estranhos de tiro. Galera Humana. Provavelmente mortes… Procurar Katy, Selena e mais duas desconhecidas. Certo. Deu para processar isso.

É… Sere, precisamos encontrar as meninas. - Disse, apontando pra ela, claramente desesperada. Mas também precisavam sair dali. Olhou em volta, pegando na mão da garota e puxando para porta dos fundos. - O negócio está rolando lá na frente, certo? Então, pelo o que eu sei, vai ter gente vindo pra cá. - Rose tentou dizer de um modo bem calmo, mesmo que estivesse se atrapalhando nas palavras proferidas. - Cadê a Selena, pelo amor de Deus? 

Right Round || Serena, Elvis e Rose

elvis-mclennon:

serena-whiter:

Riu das coisas que Elvis falava, imaginado os dois pequenos fazendo bagunça por Coates. Crianças correndo por todos os lados não era algo que a agradava muito, porém, por ser filhos de Selena talvez ela se apegasse as crianças e até achasse fofinho isso. As vezes ela se imaginava como aquelas tias chatas que as crianças não gostam, que sempre fica falando o que deve e o que não deve fazer. 

Sentiu alguém chegando por trás tapando o seu rosto, consequentemente já imaginou quem seria antes da pessoa dizer algo, apenas porque sentiu a mesma ficar na ponta dos seus pés. Sorriu ao dizer. — Rose! — Se virou para a garota dando um abraço na mesma. Sentia falta do jeito extrovertido da garota. Parou por alguns instantes, olhando para a garota, como se estivesse tentando se lembrar de algo. — Ah, sim. Rose, esse é Elvis. — Falou gesticulando com a mão, de um jeito animado, com um sorriso em seu rosto. Virando-se de Rose para Elvis. — Elvis, essa é…Galera Humana. — Se tom de voz diminiu ao preferir tais palavras, no momento em que virou-se para Rose. Não podia estar acontecendo aquilo, a galera humana ali, em Coates, a galera humana toda. E pior, Dimitri. Serena sabia que tinham que ter o matado, ela disse e mesmo assim não o fizeram. Ela deveria ter persistido mais, mas não tinha voz nenhuma ali dentro . Mas ter deixado Dimitri vivo foi um erro. 

Sua visão ficou embaçada e escura, e suas pernas bambas, possivelmente por causa do nervoso que estava sentindo, deixando assim seu copo cair no chão, ainda com o olhar fixo neles, vendo atirarem e acabar com Coates. Não sentiu raiva, como achou que sentiria, mas sim, desespero, vendo Coates sendo destruída. Se seu poder fosse de ataque, como de Jonathan ou Tyler, tentaria impedí-los, e se conseguisse sair do lugar também, pois naquele momento, estava imóvel. Não podia fazer nada. Se sentia fraca. 

Elvis sorriu para a Garota que havia acabado de chegar, mas quando Serena ia apresenta-los, o Caos começou, puxou as duas para perto, puxando a arma que sempre levava com ele, lembrou do que havia ouvido, sobre a droga, tentou controlar a terra e não conseguiu, eles haviam feito aquilo, e ele soube que foi Dimitri no mesmo instante, se fazendo de bonzinho, e agora a garota que ele supostamente amava e a irmã estavam em perigo, pois o fogo se alastrava rapidamente.

- Serena, Rose, vão atras da Katy e da Sel, e vão rápido  eles tiraram nossos poderes, Sel não tem condições de lutar, e esta la dentro, vão atras dela, e atras da Dana também, acho que Callie vai precisar de ajuda com as crianças, vão e se mantenham seguras. - Disse e segurou a arma com força, se dirigindo para os da galera humana, ele mataria Dimitri, ele não de violência  mas agora ele havia se metido com pessoas com quem ele se importava, e iria pagar por isso.

Tampar a visão de Serena e tentar inutilmente um sussurro foi ao mesmo tempo engraçado e bobo. Apenas deu uma risada, abraçando a moça com força. - É, é a Rose! - Disse em falsa surpresa, dando-se conta do menino a sua frente abrindo um grande sorriso para o mesmo. Acenou com uma das mãos, esperando que Serena apresentasse os dois. - Rosalie McSarfatti ao seu dis… Ops. 

Ao não conseguir completar a frase, e ouvir “Galera Humana”, o coração de Rose começou a martelar seu peito. Viu Serena caída no chão, e se desesperou. Pegou o braço da amiga, passando por seu pescoço e levantando-a com certa dificuldade. Foi para trás de Elvis, ouvindo tudo o que ele estava falando, tentando processar com mais agilidade. - Tá. Procurar Selena, Callie, Dana e K… KATY! - Duas das meninas mencionadas, Rose não fazia a mínima ideia de quem eram. Procurou os cabelos loiros de Katy na multidão, só conseguindo ver alguns relances. Começou a puxar Serena pro colégio, tentando ser o mais rápida o possível. 

Colocou a amiga deitada na frente de uma das escadarias, se ajoelhando ao lado dela, dando leves tapinhas no rosto dela. - Serena… Serena, acorda. - Disse no máximo de calmo que ela conseguiu, fazendo vento com a mão perto do rosto da moça. - SERENA! - Exclamou Rose, esperando alguma reação dela.

Anonymous asked:
vc e ethan era meu otp e são até hoje s2

Eu não sei responder isso, Anon. É… É, realmente eu não sei responder. Mas isso é bem gentil da sua parte (?) Ah, idk.

Right Round || Serena, Elvis e Rose

elvis-mclennon:

serena-whiter:

É, ela ela disse faz um tempinho já. — Comentou franzindo o nariz e dando uma pequena risada. — No dia que você cantou, no salão de jogos. — Completou. Se virou por um momento para pegar a garrafa que estava na mesa e enchendo seu copo novamente.

O movimento estava baixo no local, o que estava preocupando Serena para o que poderia estar acontecendo. Mas talvez era como ela tinha pensando, as pessoas poderiam estar desanimada para beber ou fazer qualquer tipo de coisam, ou então, ela não foi pontual, mas sim, chegou antecipadamente. Não que isso a preocupasse tanto. Afinal tinha bebidas ali, e tudo o que ela queria era esquecer das coisas ruins que estavam acontecendo.

Eu acho que ela precisa descansar, talvez nem venha, Elvis. — Os bebês estavam para chegar, mesmo que isso soasse esquisito em sua mente. Não era bom para Selena que ela ficasse zanzando por aí, subindo e descendo escadas, o melhor era que ela descansasse, ela e os bebês. — Ela está muito bem. — Falou, entornando o conteúdo do seu copo. Não queria pensar el algo ruim com Selena e ela parecia estar muito bem da última vez que a viu, a garota era forte, sabia que nada de ruim iria lhe acontecer. 

Ouviu o que Serena falou e assentiu, havia imaginado, Sel falando dele, só podia ser em uma festa, e claro com ele tocando, o que o lembrou que ele precisava tocar. - Eu imaginei isso, Selena falando de mim aleatoriamente por ai, não parece algo normal. - Disse rindo, s pois sabia que não era assim.

Ele ficou observando os arredores, e estava achando tudo muito estranho, talvez fosse o fato de todos estarem meio abatidos ainda, ou por como ele acharem que algo estava prestes a acontecer, ele não sabia o porque daquele sentimento, mas ele sentia isso.

Ouviu o que Serena falou, e sabia que era verdade, Selena precisava de descanso, e não de ficar na bagunça no meio de uma festa. - Eu também acho, e acho que não demora muito para aqueles bebês nascerem, logo eles vão estar aprontando por aqui, e acredite, se tiverem o temperamento da Sel, e o TDAH do Ian, vai ser um desastre. - Disse rindo, pois seria mesmo.

Estava tarde, era hora de dormir e tinha um monte de gente no jardim de Coates. E como sempre, Rosalie não estava de fora. A morena usava um vestido vinho, indo até um pouco acima do joelho. Nos pés, uma sandália brilhante - nada de salto para Rose! - e o rosto levemente maquiado. Os olhos castanhos se destacavam com o delineador e os cílios longos, a bochecha avermelhada pelo blush que usava e a boca com o batom mais discreto que encontrou em suas coisas. Era, sem duvida, uma das primeiras vezes que ela não usava alguma roupa que havia “pego emprestado” de alguma garota que conheceu por vapt-vupt. Aquele vestido era seu, assim como a rosa vermelha que levava atrás da orelha com seus cabelos castanhos escuros soltos.

Estava com um copo de bebida na mão, mas apenas bebericava o conteúdo dali. Estava bem, e pode se dizer, que estava bastante sóbria. Mas a grande parte das pessoas que ali passavam, não estavam no mesmo estado do que ela. Mas tudo bem, né.

Passou os olhos na multidão, reconhecendo várias pessoas e distribuindo sorrisos a todos. Procurou uma de suas amigas, apenas para conversar. Nada de Katy, Arya estava com Jonathan, Selena estava no quarto e… Rose ficou na meia ponta, tentando - mesmo que fosse inútil - ver por cima das cabeças das pessoas. Serena estava ali, de costas para ela, talvez conversando com alguém. Ou não.

Andou em direção a moça, deixando o copo de bebida no chão, ao seu lado. Ficou na meia ponta, e alcançando os olhos dela, tampou sua visão. Soltou uma risadinha, ainda não percebendo a presença do garoto. Talvez Serena estivesse bêbada e estivesse conversando consigo mesma. Mas, nah. - Adivinha quem é? - Disse em um quase sussurro, apesar de ter elevado a voz para ela conseguir ouvir naquele mundaréu de pessoas falando.

serena-whiter:

mcsarfattis:

Não, mas vai que né. Eles veem uma doida aparecendo do nada e sei lá “queima que é bruxa” hahahah

Agora você me chamou de doida. Mas bem, né, verdade. Mas relaxe, quando eu vou pra idade média eu tomo meus cuidados. Fique tranquila, Serere.

Mas doida você é mesmo, Rose hahahah

É, eu não posso discordar.

Não, mas vai que né. Eles veem uma doida aparecendo do nada e sei lá “queima que é bruxa” hahahah

Agora você me chamou de doida. Mas bem, né, verdade. Mas relaxe, quando eu vou pra idade média eu tomo meus cuidados. Fique tranquila, Serere.

serena-whiter-deactivated201309 asked:
Eu fiquei tão tão tão feliz que você voltou <3 Achei que tinham te queimado como bruxa na idade média, não faz mais isso, Rose!

Pera Serere, você me chamou de bruxa ou impressão minha? Nah, dane-se. HAHAHA. Pode deixar, Sere. <3

theme